Seguro de saúde, Plano de Saúde, Cartão de Saúde, Cartão de Medicina Dentária, Cartão Dentário, Plano Saúde Oral

AdvanceCare | Gastroenterite

Gastroenterite

A gastroenterite é uma infecção, viral ou bacteriana, que atinge o sistema gastrointestinal provocando a sua irritação, originando náuseas, vómitos e diarreia.

Usualmente, é provocada pela ingestão de água ou alimentos contaminados com microrganismos, fezes ou toxinas químicas. Alguns medicamentos, incluindo os antibióticos, e a intolerância à lactose também podem estar na sua origem.

É uma patologia sem gravidade, na maioria dos casos, mas que deve ser encarada com especial cuidado por quem tem um risco acrescido: crianças, idosos, grávidas ou pessoas com o sistema imunitário fragilizado.

Causas da Gastroenterite

Nos adultos, a gastroenterite é provocada, na maioria das vezes, por água ou alimentos contaminados. As causas mais comuns são:

gastroenterite

Bactéria E.Coli

  • Vírus.
  • Água ou comida contaminada com bactérias (como a Salmonella ou E. coli) ou parasitas (Giardia).
  • Efeitos secundários de certos fármacos.
  • Contacto com pessoas contaminadas.

Na infância, é uma infecção frequente que pode ainda ser originada pelo rotavírus, para o qual existem já vacinas, mas que é comum nas mudanças de estação ou por uma reação do organismo à introdução de um novo alimento na dieta.

Sintomas da Gastroenterite

Os primeiros sinais de gastroenterite podem manifestar-se poucas horas após o contágio ou apenas alguns dias mais tarde. Os principais sintomas são:

  • Vómitos.
  • Diarreia.
  • Náuseas.
  • Dores espasmódicas a nível abdominal.
  • Dores musculares nos membros inferiores.
  • Perda de apetite.
  • Dor de cabeça.
  • Febre.

A desidratação é um problema frequente em caso de gastroenterite, devido à perda de líquidos e sais minerais. As crianças e idosos são um grupo de risco. Os sinais de alarme são:

  • Sede ou boca seca.
  • Língua seca ou pastosa.
  • Pele seca.
  • Diminuição do débito urinário ou urina de tonalidade escura.
  • Tonturas (ao levantar-se).
  • Dores de cabeça.
  • Olhos encovados.
  • Fraqueza e apatia.
  • Cãibras musculares.
  • Palpitações.

Tratamento da Gastroenterite

Na maioria dos casos não é ministrado qualquer tratamento específico, apenas tratamento sintomático, para a gastroenterite. Os sintomas desaparecem entre 3 a 5 dias e o problema resolve-se por si. Nesta fase, os cuidados a seguir são:

  • Repouso.
  • Evitar consumir alimentos de difícil digestão nas primeiras 24 horas.
  • Garantir a ingestão de líquidos faseadamente para fazer face às perdas provocadas pelos vómitos e diarreia, evitando assim a desidratação.

A toma de medicamentos, antieméticos ou antidiarreicos pode ser recomendada para minimizar situações de diarreia ou vómitos particularmente intensos, mas deve ser feita após parecer médico.

A persistência dos sintomas – vómitos após terem passado 48 horas ou diarreia passado 5 dias, desidratação grave – dor ou febre muito alta e presença de sangue nas fezes requer observação médica.

Para evitar o contágio, é aconselhável adotar medidas de higiene e isolamento de contato: lavar sempre as mãos após ir à casa de banho e antes de entrar em contacto com alimentos; desinfetar a casa de banho (sem esquecer torneiras e o puxador da porta).

Evitar igualmente partilhar toalhas, talheres ou outros objetos.

Artigo revisto e validado pela especialista em Medicina Geral e Familiar Isabel Braizinha.
Conteúdo revisto pelo Conselho Científico da AdvanceCare.
A presente informação não vincula a AdvanceCare a nenhum caso concreto e não dispensa a leitura dos contratos de seguros/planos de saúde, nem a consulta de um médico e/ou especialista.