Os benefícios da cafeina no dia a dia

Os benefícios da cafeina no dia a dia

Pesquisas científicas já demonstraram que a cafeína tem vários benefícios para a saúde. Recentemente, um estudo liderado por um português concluiu que esta substância, consumida em quantidades moderadas, pode ser eficaz na prevenção e tratamento da depressão.


untitled-1


Um estudo liderado pelo português Rodrigo Cunha e publicado na revista da Academia Americana de Ciências “Proceedings of the National Academy of Sciences” (PNAS), veio acrescentar que o consumo de cafeína é eficaz tanto na prevenção como no tratamento da depressão. Esta é uma revelação que tem particular impacto, já que a Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que a depressão será a doença mais comum do mundo em 2030. Atualmente, e ainda segundo a mesma fonte, a depressão afeta cerca de 400 milhões de pessoas a nível mundial.


A investigação

Rodrigo Cunha, do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) e da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, coordenou uma equipa de 14 investigadores da Alemanha, Brasil, Estados Unidos da América e Portugal, que estudou o efeito do consumo de cafeína na prevenção e no tratamento da depressão. Ao longo de 6 anos, esta equipa efetuou um conjunto de estudos e experiências em 2 grupos de ratos de laboratório para avaliar em que medida a cafeína interfere na doença.
A 1 dos grupos foi administrada cafeína diariamente e os investigadores verificaram que os animais que consumiram cafeína apresentavam menos sintomas associados à ansiedade, anedonia (perda de prazer), redução das interações sociais e deterioração da memória. Considerando um estudo anterior com doentes de Parkinson realizado nos EUA, no qual Rodrigo Cunha havia participado como consultor científico, a equipa decidiu administrar nos ratos com sintomas de depressão um medicamento da família da cafeína.


Resultados promissores

Em apenas 3 semanas de tratamento, “o fármaco foi capaz de inverter os efeitos provocados pela exposição inicial a Stress Crónico Imprevisível e os ratos de laboratório recuperaram para níveis semelhantes aos do grupo de controlo (constituído por ratos saudáveis)”, explicou Rodrigo Cunha.
Virá este fármaco para o mercado? Rodrigo Cunha refere que embora seja necessário efetuar um ensaio clínico, a transposição para a prática pode ser bastante rápida: “Assim haja vontade da indústria farmacêutica, porque estamos perante um fármaco seguro, já utilizado nos EUA e no Japão para o tratamento da doença de Parkinson”.


Cafeína no dia a dia

Para usufruir dos benefícios da cafeína, moderação é a palavra-chave.
Consumir entre 2 a 3 cafés por dia (cerca de 200 a 300 mg de cafeína) não parece ter efeitos nocivos para o organismo. No entanto, a sensibilidade e reação à cafeína difere de indivíduo para indivíduo e, na presença de sinais como tremores, insónias ou batimentos cardíacos rápidos deve reduzir a quantidade de cafeína que consome diariamente.
Não se esqueça que a cafeína não está presente apenas no café mas também no chá preto, no cacau e nas bebidas à base de cola (como a Coca-Cola, que contém cafeína e extrato de noz de cola, entre outros ingredientes) e bebidas energéticas.

A cafeína, além dos outros benefícios já comprovados pela ciência, pode ser uma aliada na prevenção e tratamento da depressão uma patologia com impacto profundo a nível social, profissional e laboral. No entanto, lembre-se que, para tirar partidos dos efeitos benéficos da cafeína, esta deve ser consumida com moderação.

Nesta fase de Pandemia é importante cuidar-se! A AdvanceCare dispõe de um Programa que lhe permite ser acompanhado por um Nutricionista sem sair de casa. Conheça os Programas Online AdvanceCare e valorize o seu bem estar emocional

Este artigo foi útil?

Conselho cientifico

Conteúdo revisto

pelo Conselho Científico da AdvanceCare.

A presente informação não vincula a AdvanceCare a nenhum caso concreto e não dispensa a leitura dos contratos de seguros/planos de saúde nem a consulta de um médico e/ou especialista.

Downloads

Consulte os nossos guias para hábitos saudáveis:

Sympton Checker

Utilize a nossa ferramenta de diagnóstico de sintomas.

Programas AdvanceCare relacionados

Artigos relacionados