6 alimentos importantes para a saúde masculina

6 alimentos importantes para a saúde masculina

Nutrição e Fitness
Última atualização: 09/08/2022
  • Uma dieta equilibrada é essencial para uma maior qualidade de vida, mas existem necessidades diferentes consoante o sexo.
  • Os homens têm uma maior necessidade calórica e de proteínas, bem como alguns alimentos que poderão ajudar o sistema imunitário ou a prevenir futuras complicações.

Apesar de anatomicamente semelhantes, os homens e as mulheres têm caraterísticas e necessidades totalmente diferentes. Vivem em média seis anos a menos do que as mulheres.

A prevenção é a palavra ordem quando falamos de saúde, e a saúde masculina não é exceção. As necessidades de cada pessoa ao nível da nutrição dependem do género e da idade, do estilo de vida e até de algumas complicações ou doenças que as mesmas podem ter. Um exemplo, publicado no Programa de Distribuição de Alimentos: Considerações para a Adequação Nutricional da Oferta Alimentar pela Direção-Geral da Saúde mostra uma clara diferença nas necessidades energéticas entre homens e mulheres com aproximadamente 40 anos. Assim, o relatório refere que a necessidade energética diária para um homem é de 2511 kcal/dia, enquanto para uma mulher é de apenas 2015 kcal/dia.

Um exemplo de alterações corporais nos homens, à medida que envelhecem, é o declínio na massa muscular. De acordo com a publicação da Harvard Health Publishing da Harvard Medical School, a perda de músculo relacionada com a idade, também chamado de sarcopénia, é uma parte natural do processo de envelhecimento. Depois dos 30 anos de idade, os homens começam a perder até 3 a 5% de músculo por década. Durante a sua vida inteira, a maioria dos homens perde cerca de 30% da sua massa muscular. Este é um processo natural e um bom exemplo de necessidades nutricionais nos homens. Para evitar essa degeneração, a prática de exercícios físicos, aliada a uma alimentação equilibrada, composta por hidratos de carbono e proteínas, é fundamental. 

Foi com este objetivo em mente que criamos uma lista de seis alimentos importantes para a dieta dos homens e que os ajudem no seu quotidiano.

Abacate

Nutricional, versátil e delicioso, o abacate é rico em nutrientes muito importantes para o organismo como a vitamina C, a vitamina E e a vitamina B6. É também uma fonte de gorduras saudáveis e fibra, e ainda contem potássio, magnésio, cobre, folato, zinco, entre outros. Tendo um perfil nutricional único, o consumo de abacate é fundamental para uma vida saudável. “Além de ser um fruto diferente, é gordura vegetal de boa qualidade e é energético, ótimo para a saúde cardiovascular”, refere a nutricionista Lillian Barros. Normalmente, os homens têm uma maior probabilidade em desenvolver problemas cardíacos e de tensão alta. Como têm mais músculos do que as mulheres, os homens precisam mais de alimentos energéticos para obter mais energia. “O abacate tem assim um efeito preventivo”, acrescenta a nutricionista.

Ovo

Durante muito tempo dizia-se que só devíamos comer três ovos por semana. Com o passar do tempo e com novos estudos, foi demonstrado que poderá não ser bem assim. “Não há limites de quantidade. É um excelente alimento e que pode ser usado de diferentes formas”, afirma Lillian Barros. A clara do ovo é uma proteína ‘completa’, com alto valor biológico e tem todos aminoácidos essenciais. Ou seja, a clara tem todos os aminoácidos que o corpo de um ser humano não consegue produzir e tem que ingerir. “E os homens precisam de proteína por causa dos músculos”, acrescenta a especialista. Além da clara, a gema tem ainda um papel importante. É uma gordura de boa qualidade que também deve ser consumida. “Pode ser usado o ovo inteiro cozido como snack, como ingrediente para fazer panquecas ou batidos ou até mesmo como prato principal numa omelete”, sugere a nutricionista.

Tomate

O tomate é outro dos alimentos importantes na saúde masculina, tendo sido demonstrado que o seu consumo está associado a múltiplos benefícios para a saúde. Apesar dos estudos não serem ainda conclusivos sobre a associação entre o consumo deste fruto e a diminuição do risco de cancro da próstata, esta hipótese não pode ser totalmente descartada. Este é o tumor mais frequente em homens a nível mundial mas também a nível nacional. Em 2020, 6759 novos casos de cancro da próstata foram reportados em Portugal. O tomate, que na verdade é uma fruta, é rico em licopeno e antioxidantes. “Tem mais valor nutricional se for usado no refogado, como molho ou até mesmo na sopa”, exemplifica Lillian Barros.

Água

É também considerada um alimento: algo que os seres vivos ingerem para poderem viver. A água é essencial à vida. É das substâncias mais importantes para o ser humano, independentemente do sexo. “Mas tão desvalorizada pelo sexo masculino. Chegam às consultas, sabem tudo, mas esquecem-se do mais importante: a hidratação”, refere a especialista em nutrição. Biologicamente o homem precisa de mais água porque tem mais músculo. “Por isso, os homens devem consumir mais do que as mulheres. A água é fundamental para o bom funcionamento do organismo”, diz.

Nozes

Possuem gorduras de qualidade, fibras, algumas vitaminas e minerais, mas o que mais se destaca é o selénio. “Do ponto de vista nutricional, é um forte aliado na prevenção de doenças crónicas e cardiovasculares, no controlo da tensão arterial e ajuda o sistema imunitário”, refere a especialista. As nozes são compostas também por fitoesteróis. Estes compostos parecem ser efetivos no controlo dos níveis de colesterol no sangue. A ingestão de 2 gramas por dia pode reduzir o nível de colesterol no sangue em cerca de 8 a 10%.

Aveia

É um dos alimentos mais ricos em fibras. Cerca de 10% do seu peso é fibra e o seu consumo favorece o trânsito intestinal.  “É o alimento da moda, além de ser barato”, começa por explicar a nutricionista. Para a especialista, é um importante aliado em casos em que se deixa o ginásio para segundo plano, acumulando gordura abdominal em excesso, um dos principais fatores para problemas cardiovasculares. “O consumo de aveia ajuda a baixar o peso porque sacia bastante, ao mesmo tempo que ajuda a baixar o colesterol”, explica Lillian Barros.

 

Uma dieta equilibrada é essencial para uma maior qualidade de vida, e os seus benefícios são múltiplos. Mas cada individuo é único e, por isso, é importante ter um plano nutricional personalizado para si, ou use marque uma consulta com os nossos parceiros.

Este artigo foi útil?

Conselho cientifico

Conteúdo revisto

pelo Conselho Científico da AdvanceCare.

A presente informação não vincula a AdvanceCare a nenhum caso concreto e não dispensa a leitura dos contratos de seguros/planos de saúde nem a consulta de um médico e/ou especialista.

Downloads

Consulte os nossos guias para hábitos saudáveis:

Sympton Checker

Utilize a nossa ferramenta de diagnóstico de sintomas.

Programas AdvanceCare relacionados

Artigos relacionados